SES -RJ convoca chamamento público para compra de testes rápidos e ventiladores eletrônicos

Empresas que possuem estoques para entrega imediata devem apresentar as propostas com as especificações mínimas pelo e-mail de contato: subexec@saude.rj.gov.br.

Considerando que foram celebrados contratos de aquisições de respiradores e testes rápidos em função da Pandemia COVID 19;

Considerando o atraso nas entregas de equipamentos e testes e a necessidade extrema em suas distribuições as unidades hospitalares do Estado do Rio de Janeiro;

Considerando o declínio de empresas com contratos celebrados para os itens citados;

A Secretaria de Estado de Saúde do Rio de Janeiro / SES RJ publica Chamamento Público para as empresas que possuem estoques para disponibilização imediata a entregarem propostas para as especificações mínimas abaixo atraves do email subexec@saude.rj.gov.br nas quais serão analisadas pela área técnica da Secretaria de Estado de Saude/RJ e disponibilizadas aos orgãos de controle. Os valores deverão tomar como base contratos celebrados e tabelas CIF e FOB.

1 – TESTES RAPIDOS

Coronavírus (COVID-19) IgG/IgM (teste rápido) é um imuno ensaio cromatográfico rápido para detecção qualitativa dos anticorpos IgG e IgM para COVID-19 em sangue total, soro ou plasma como auxílio a diagnóstico de infecções primárias e secundárias pelo novo Coronavírus. Registro ANVISA. Valores referencia aproximados: Para IgG: – ESPECIFICIDADE: 99,3%, – SENSIBILIDADE: 97,4%, – PRECISÃO: 99,9% Para IgM: – ESPECIFICIDADE: 98,6%, – SENSIBILIDADE: 86,8% – PRECISÃO: 96,1%.

2 – VENTILADOR ELETRÔNICO PULMONAR MICROPROCESSADO PARA ASSISTÊNCIA VENTILATÓRIA MECÂNICA EM PACIENTES ADULTOS, PEDIÁTRICOS E NEONATOS.

Características mínimas de ajuste: volume corrente: 2 ml a 2.000 ml; frequência: de 1 a 150 rpm (respirações por minuto); fluxo inspiratório mínimo: 1 a 200 lpm (litros por minuto); tempo inspiratório: de 0,1 s a 5 s (segundos); relação i:e: 1:9 a 4:1; pressão inspiratória: 0 a 80 cm h2o (incluindo apeep); peep/cpap: de 0 a 50 cm h2o; suporte de pressão: 0 a 60 cm h2o, incluindo o nível da peep/cpap; concentração de o2, através de misturador de ar/o2 incorporado (interno): 21 a 100%; pausa inspiratória para raio-x com pulmão insuflado; tempo de detecção de apneia. Rampa de pressão ajustável pelo operador na ventilação a pressão (fluxo ajustável); disparo expiratório na pressão de suporte ajustável de pelo menos 5% a 70%; monitoração numérica de parâmetros ventilatórios: pressão de vias aéreas, incluindo pico, média e peep/cpap, concentração de oxigênio, medida após a mistura e entregue ao paciente (fio2); volume minuto (vm) expirado; volume corrente (vc) expirado; frequência respiratória espontânea e total; tempos inspiratório e expiratório e/ou relação i:e; fluxos inspiratório e expiratório máximos; índice de respiração superficial rápida (rsb); conhecido como índice de tobin; pressão de oclusão a 0,1 s, conhecida como p0,1; mecânica respiratória com complacência, resistência, constante de tempo e autopeep; diário de eventos, alarmes audiovisuais: volume minuto expirado baixo/alto; pressão de via aérea baixa/alta; volume corrente baixo/alto; desconexão; concentração de oxigênio inspirado baixa/alta; frequência respiratória baixa/alta; tempo de detecção de apneia; pressão de alimentação da rede gás fora da faixa aceitável; falta de energia; bateria. demais características técnicas: tela colorida integrada ao gabinete do ventilador de pelo menos 12” polegadas, sensível ao toque (touch screen); sensor de fluxo para monitoração proximal dos parâmetros exalados pelo paciente; sensor de oxigênio, incorporado ao equipamento, para análise da fração de oxigênio entregue ao paciente continuamente; alimentação elétrica de corrente alternada com comutação automática para 110 volts e/ou 220 volts, frequência 60 hz; bateria interna integrada. acessórios: 02 circuitos em silicone autoclavável, 02 sensores de fluxo para cada tipo de paciente (adulto / ped e neonatal); base para ventilador pulmonar com rodízios; braço articulado para o circuito de paciente; mangueiras de alimentação de oxigênio; cabo de alimentação elétrica; demais acessórios pertinentes ao bom funcionamento do ventilador pulmonar para atendimento integral do paciente; apresentar o certificado Inmetro vigente; deverá atender a iso 80601-2-12:2014; deverão ser entregues manuais de operação, conforme normas vigentes da Anvisa; treinamento operacional deverá ser disponibilizado sem custo adicional; assistência técnica local, garantia mínima de 24 meses; embalagem com dados de identificação do produto: marca do fabricante e registro no Ministério da Saúde (Anvisa).